Google+ Followers

sábado, 15 de agosto de 2015

Aldemir Martins e seu especial mundo felino.

Quem é apaixonado por gatos talvez não tenha se dado conta do trabalho de Aldemir Martins. O artista cearense, reconhecido por suas incríveis pinturas de cangaceiros, baianas, muitos retratos e natureza morta, acabou mesmo se popularizando pelas pinturas de felinos azuis, verdes, amarelos, todos eles com um traço muito marcante e particular.
Aldemir Martins nasceu no interior do Ceará em 1922, na cidade de Ingazeiras, filho de um funcionário público e uma índia. Em 1945, aos 23 anos, se mudou para o Rio de Janeiro sendo que um ano mais tarde foi morar em São Paulo. No ano seguinte, já em 1947, foi convidado a participar da exposição 19 Pintores que marcou a ascensão de uma nova geração de artistas brasileiros. Neste evento, Aldemir conquistou uma premiação como terceiro colocado. A partir daí, participou de forma ativa do movimento artístico brasileiro. Nas primeiras Bienais de Arte de São Paulo de 1951, 1953 e 1955 ele foi agraciado com premiações especiais sendo que em 1956 venceu o prêmio de melhor desenhista na Bienal de Veneza. Artista versátil, além da pintura, Aldemir trabalhou também com cenografia, joalheria, desenhos de moda, tapeçaria e artes gráficas. 










Aldemir Martins faleceu em 2006 na cidade de São Paulo aos 83 anos e se você deseja conhecer o seu trabalho de perto, até a próxima quinta-feira dia 20 de agosto, na galeria Ink do shopping RioMar Fortaleza (rua Desembargador Lauro Nogueira, 1.500 - piso L2) acontece a exposição "Aldemir Martins: gatos e motivos" com 20 obras originais do artista.